logo primecont

O que é balancete? Saiba mais

O que é balancete? Saiba mais

A contabilidade é ferramenta essencial para toda e qualquer empresa, isto é ponto pacífico entre empresários, investidores, instituições financeiras e órgãos tributários. Para além de todas as demandas fiscais e burocráticas que tornam a lida contábil uma obrigação legal, existem ferramentas e técnicas próprias da contabilidade capazes de fornecer visões, ângulos e recortes que fazem com que a prática contábil seja também uma obrigação financeira e estratégica.

De modo bastante simplista, um bom trabalho em conjunto entre o profissional contábil e o gestor da empresa, fará com que qualquer movimentação financeira, todas as entradas e saídas da empresa, bem como qualquer ativo fixo, variável ou patrimonial, estejam devidamente registrados, perfeitamente equilibrados e totalmente disponíveis para consultas acerca de qualquer período.

Para atingir este patamar de organização e controle, necessita-se aplicar, de maneira disciplinada, uma das práticas mais básicas e essenciais da contabilidade: o balancete de verificação. Se você ainda não sabe do que se trata essa ferramenta de registro e controle financeiro e patrimonial, continue acompanhando este artigo.

O que é balancete?

O balancete ou balancete de verificação é o demonstrativo contábil mais basilar da contabilidade e tem a função de reunir todas as contas de uma empresa e suas respectivas movimentações em um determinado período de tempo, separando-as em débitos e créditos e saldos devedores e credores.

O balancete é realizado relacionando todas as contas presentes no Livro Razão de uma empresa e categorizando-os conforme sua natureza credora ou devedora para, por meio do método da partida dobrada, segundo o qual cada débito deve ter um crédito correspondente que o compense.

Segundo este método de escrituração (também chamado veneziano), ao final do balancete a soma dos saldos devedores deve ser igual a soma dos saldos credores no período de tempo em questão, havendo desigualdade nesta relação significa que há algum erro nos registros contábeis da empresa, tornando necessário a realização de uma revisão para identificação.

Qual a função do balancete?

Os três procedimentos que formam a base da contabilidade são o registro dos fatos no Livro Diário, a transcrição dos fatos para o Livro Razão e a elaboração do Balancete conforme estes registros. Sendo assim, a função inicial do Balancete é identificar possíveis falhas ou incongruências nos registros de movimentações financeiras da empresa.

Com as informações do balancete é possível se chegar a diversos resultados com aplicação prática na empresa por meio da análise dos números e a realização de projeções importantes para avaliação e planejamento. Também é através do balancete também é que se produzem outros demonstrativos contábeis de grande importância como o Demonstrativo do Resultado do Exercício (DRE) e o Balanço Patrimonial, ambos obrigatórios para determinados tipos de empresas.

A realização deste relatório demonstrativo não é obrigatória, muito embora ele sirva para viabilizar o desenvolvimento de outros demonstrativos como mencionamos acima. A utilização do balancete costuma ser interno, servindo para os gestores como elemento de análise e tomada de decisão. No entanto, o balancete também é um importante instrumento comprobatório da responsabilidade financeira da empresa, bem como de sua real situação em determinado período de tempo, sendo um documento importante também para investidores e stakeholders.

Qual deve ser a periodicidade do balancete?

Por não ser um relatório de natureza obrigatória, ou seja, ter sua importância mais fundamentada no uso interno, o balancete não precisa seguir regras quanto a periodicidade e tem a vantagem de ser um instrumento editável conforme a necessidade estratégica dos gestores.

A depender da cultura da empresa, podem ser realizados balancetes diários, semanais, mensais, semestrais ou anuais. Da mesma maneira, um balancete pode ser realizado utilizando datas de início e de fim específicas para atender determinada demanda que não caiba em uma periodicidade engessada.

A sua empresa utiliza algum instrumento de verificação dos registros contábeis? As boas práticas contábeis constroem bases firmes para o crescimento e o reconhecimento de uma empresa no mercado, portanto saiba aproveitar melhor as oportunidades por meio de finanças organizadas, controladas e saudáveis.

Esperamos ter ajudado com este artigo! Não deixe de assinar a nossa newsletter e receber no conforto de sua caixa de entrada a cada vez que publicarmos um conteúdo novo.

Tem dúvidas sobre contabilidade?

Veja Também:

Tem dúvidas sobre contabilidade?

logo primecont

633028-3477

205 Sul, Av. LO 05, Lote 30-A, Palmas - Tocantins